Belém 07 de Julho de 2013
BUSCA:
 
Há 100 anos alegrando o mundo
 
 
 

O Circo Estoril está em Belém com seus 70 artistas para oferecer um espetáculo de beleza, magia e fantasia

A magia do circo está de volta a Belém em sua plenitude com um dos maiores circos da América Latina, o Estoril. De origem portuguesa, a atração centenária está na oitava geração de artistas e há um mês tem apresentado um espetáculo variado e moderno para o encantamento do público de todas as idades. Numa estrutura gigante 500 toneladas de equipamentos, o Estoril vira uma máquina de sonhos com 70 artistas se apresentando sob a lona.

O diretor administrativo e de marketing do Estoril, Nivaldo Júnior, é cria do circo e comanda a atração e a empresa familiar que surgiu em 1898, com os primeiros portugues circenses vindos da cidade de Braga, norte de Portugal, para ganhar a vida com arte no Brasil. De terça a domingo, acrobatas, ilusionistas, malabaristas, trapezistas, bailarinas e palhaços fazem do picadeiro um bom motivo para sair de casa e mergulhar no universo fantasioso do circo.

As atrações principais do Estoril são o "Globo da Morte", com cinco motoqueiros desafiando a gravidade e a delicada cena da "Dança das águas", um equipamento hipnotizante importado da França, cujos esguichos mudam de forma e cor conforme a música. Nivaldo diz que os motociclistas foram destaque em 2003 no programa da rede Globo, "Fantástico", porque foram os primeiros brasileiros a se apresentarem em quinteto dentro na esfera com seus veículos. Mas dentre tantas atrações há ainda destaques como Ritchelly Alves que equilibra 80 bambolês enquanto dança - e pretende entrar pro Guiness Book batendo a atual recordista que se apresenta com 107. No circo, há ainda a bela Daniela Portugal, uma das poucas ilusionistas mulheres do Brasil.

O Estorial chegou no último dia 4 de junho em Belém e deve ficar na cidade até o último dia 4 de agosto. Nivaldo diz que, para atrair mais público, o circo precisa se modernizar. Nessa lógica, o centenário Estoril investiu em som e luz de ponta para aprimorar o espetáculo debaixo da lona, totalmente climatizada e com capacidade para 700 espectadores.

 

Para ver a matéria completa assine O Liberal Digital.

 
   
 
   
   
     
 
 
 
Copyright © 2004 - 2009. Todos os direitos reservados ao Jornal O Liberal